terça-feira, 15 de março de 2011

Breve histórico da Medicina Nuclear

A medicina nuclear iniciou-se com a descoberta da radioatividade natural por Henri Becquerel em 1896, seguido por Marie e Pierre Curie que em 1898 descobriram os elementos naturais radioativos. Apesar disso, foi o princípio do traçador proposto em 1913 por George de Hevesy, que fez com que essa modalidade médica fosse possível (Robilotta, 2006). Desde então a evolução computacional aliada ao desenvolvimento de novos sistemas de aquisição de imagens e instrumentação, viabilizaram a criação de sistemas como a tomografia por emissão de fóton único (SPECT) e tomografia por emissão de pósitron (PET). Atualmente os equipamentos mais modernos são híbridos, ou seja, integrados à tomografia computadorizada (CT) e até mesmo à ressonância magnética (RM) (Judenhofer, 2008)(mMR). No âmbito dos radiofármacos a utilização dos novos traçadores aliados a novos radioisótopos, têm contribuído também para a realização de terapias concomitantes com as pesquisas clínicas (Cremonesi, 2010).

(uma importante referência nacional de Física em Medicina Nuclear é a Prof. Dra. Cecil Chow Robilotta.  Dentre os diversos artigos sobre o tema, um deles trata sobre a "A tomografia por emissão de pósitrons: uma nova modalidade na medicina nuclear brasileira", 2006. Nesse artigo há uma síntese da história da medicina nuclear até a data e uma abordagem do sistema PET. Atualmente podemos citar a PET/MRI como o mais recente avanço da área.)

Referências Bibliográficas
  • CREMONESI, M.;BOTTA, F.; DI DIA, A.; FERRARI, M.; BODEI, L.; DE CICCO, C.; ROSSI, A.; BARTOLOMEI, M.; MEI, R.; SEVERI, S.; SALVATORI, M.; PEDROLI, G.; PAGANELLI, G., 2010, “Dosimetry for treatment with radiolabelled somatostatin analogues. A review.”, Q J NUCLE MED MOL IMAGING, v.54, pp.37-51. 
  • JUDENHOFER, M. S.; WEHRL, H. F.; NEWPORT, D. F.; CATANA, C.; SIEGEL, S. B.; BECKER, M.; THIELSCHER, A.; KNEILLIG, M.; LICHY, M. P.; EICHNER, M.; KLINGEL, K.; REISCHL, G.; WIDMAIER, S.; RÖCKEN, M.; NUTT, R. E.; MACHULLA, H. J.; ULUDAG, K.; CHERRY, S. R.; CLAUSSEN, C. D.; PICHLER, B.J.; 2008, “Simultaneous PET-MRI: a new approach for functional and morphological imaging”, NAT MED, v.4, pp.459-465.   
  • ROBILOTTA, C. C.; 2006, “A tomografia por emissão de pósitrons: uma nova modalidade na medicina nuclear brasileira”, REV PANAM SALUD/PAN AM J PUBLIC HEALTHY, v.20(2/3), pp. 134-142.

Nenhum comentário:

Postar um comentário