quinta-feira, 28 de julho de 2011

Diretor da CNEN é indicado para Representante Permanente do Brasil na AIEA

 
A presidenta Dilma Rousseff encaminhou para apreciação do Senado Federal o nome do atual Diretor de Radioproteção e Segurança Nuclear da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN), Laércio Antonio Vinhas, a fim de indicá-lo para exercer o cargo de Representante Permanente do Brasil na Missão junto à Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), em Viena. Há quatro anos essa função vem sendo exercida pelo embaixador Antônio Guerreiro, que passará a ter novas responsabilidades em Genebra.
Para assumir esse posto, Laércio Vinhas deve passar por um processo análogo ao da indicação de um Embaixador, que inclui ser sabatinado pelo Senado – em data ainda a ser agendada – e apresentação de credenciais ao Diretor Geral da AIEA, Yukiya Amano. Contribuíram para essa indicação a grande experiência de Vinhas na área nuclear e sua atuação junto à AIEA e ao Itamaraty há mais de 20 anos.
   Laércio Vinhas é físico, Doutor em Física Nuclear e Pesquisador Emérito do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN). Desenvolveu toda sua carreira na CNEN, onde ingressou em 1965 e ocupou diversos cargos importantes como Diretor de Segurança Nuclear do IPEN, Diretor do Instituto de Radioproteção e Dosimetria (IRD), Chefe do Serviço de Salvaguardas e Coordenador-Geral de Assuntos Internacionais da CNEN. Desde 1993 ele integra as delegações brasileiras nas Conferências Gerais e Juntas de Governadores da AIEA. Em 2007 passou a fazer parte da Comissão de Padrões de Segurança Nuclear da AIEA, que aprova as recomendações e os guias da Agência nas áreas de radioproteção e segurança nuclear para serem submetidos à aprovação final do Diretor-Geral e da Junta de Governadores da AIEA. A partir de 2010 também se integrou ao Grupo Internacional de Segurança Nuclear da Agência, que estabelece os princípios e as estratégias de segurança nuclear, em geral adotados pela AIEA e por todos os países. É a primeira vez que um servidor da CNEN é indicado para essa representação brasileira junto à Agência Internacional.
 [Coordenação de Comunicação Social - CNEN]

terça-feira, 26 de julho de 2011

SBBMN - APLICAÇÕES DE PET EM NEUROLOGIA - 22/08/2011

2011 SBMN RIO email marketing.jpg

No dia 22 de Agosto, às 19 horas, a Sociedade Brasileira de Medicina Nuclear realizará um encontro cujo tema será Aplicações de PET em Neurologia.

Programação:
19h00 - 19h05 - Abertura

19h05 - 19h25 - Atualidades em Demências - Prof° Dr. Sérgio Novis

19h25 - 19h45 - O Estado da Arte no Manejo de Epilepsia do Lobo Temporal - Foco em Esclerose Hipocampal - Prof° Dra. Sônia Leon

19h45 - 20h05 - Aplicações Clínicas de PET em Neurologia - Dr. José Leite

20h05 - Discussão

Após a discussão será servido o jantar.
Haverá serviço Valet e estacionamento à uma quadra do hotel, com desconto para participantes.

Patrocínio R2 Radiofarmácia.

Inscrição no site da SBBMN


terça-feira, 19 de julho de 2011

Segurança em Ressonância - Colombini MRI Case: Root Cause Analysis - Tobias Gilk & Reliability Center

Análise interessante sobre as causas de um terrível acidente em ressonância magnética. Vale a pena apontar que muito se atribuiu a falta de treinamento das pessoas envolvidas, área que com certeza o físico médico pode atuar e ajudar.

Colombini MRI Case: Root Cause Analysis - Tobias Gilk & Reliability Center:


segunda-feira, 18 de julho de 2011

MRMI Ressonancia Magnetica Simposio Internacional - Programação

Caros,

segue ao lado a programação atualizada do simpósio internacional de RM. Mais informações em:

http://www.jz.com.br/congressos/mrmi/mrmi.htm

Abs, Thomas

Siga-nos no Twiter

Prezados Físicos Médicos, Médicos, Tecnólogos, Técnicos e áreas correlatas,


A boa informação e envolvimento com os temas dirigidos à àrea são essenciais para a nossa formação. Por isso, gostaríamos de convidá-los a seguir-nos no twitter. Dessa forma, as notícias sobre eventos, artigos, novidades, equipamentos, etc, chegarão até vocês assim que são publicadas no Blog. 

Qualquer sugestão (temas, artigos, divulgação de cursos, etc) e crítica nos envie também para o e-mail: blogdefisicamedica@gmail.com



Equipe do Blog de Física Médica

Simpósio de Radiofarmácia e Imagem Molecular da PUCRS

Informações Gerais:
Unidade Promotora: Faculdade de Farmácia
Duração: 26, 27 e 28/08/2011
Carga horária: 18 horas/aula
Sexta das 13h30min às 22h30min
Sábado das 9h às 19h
Domingo das 9h às 21h

Local: Auditório e sala anexa do Prédio 50

Informações e inscrições:
Local: Prédio 40 - Sala 201
Horário: Segunda a sexta-feira - 08h às 12 - 13h30min às 19h
Em breve pelo site do evento

Investimento:
Alunos e diplomados PUCRS:
01/06/2011 à 30/06/2011: R$ 100,00
01/07/2011 à 28/08/2011: R$ 120,00

Estudantes:
01/06/2011 à 30/06/2011: R$ 120,00
01/07/2011 à 28/08/2011: R$ 150,00

Profissionais:
01/06/2011 à 30/06/2011: R$ 150,00
01/07/2011 à 28/08/2011: R$ 200,00

Público-alvo:
Farmacêuticos, Médicos, Químicos, Biólogos, Biomédicos, Físicos, Enfermeiros, Tecnólogos e Estudantes

Programação:


26/08 (sexta)

13h30min - Credenciamento

14h30min - Palestra
Síntese de Radiofármacos
Dr. Leonel Ruiz Hospital OCA - Monterrey - México

15h15min - Palestra
Controle de Qualidade de Radiofármacos e a Imagem
Dra. Neuza Fukumori
IPEN
São Paulo

16h00min - Palestra
Normas e legislações brasileiras aplicadas a Radiofármacos
Farm. Rafael Madke
Empresa Radiopharmacus

16h45min - Coffee break

17h00min - Palestra
A produção brasileira de radiofarmacos
Dr. Jair Mengatti (IPEN)

18h00min - ABERTURA OFICIAL
Palestra
INSCER
Dr. Jaderson Costa da Costa

19h30min - COQUETEL
Sala Anexa do prédio 50


27/08 (sábado)

9h00min - Mesa Redonda
LINFOMA
Dr. Dario Ramos
Dra. Carla Ono

9h50min - Mesa Redonda
Câncer de Tórax
Dr. Gabriel Prolla (HMD
Dra. Clarice Loss Sprinz (HMD)

11h00 - Coffee break

11h15min - Palestra
10 anos de PET-CT em um Hospital Oncológico , a Experiência do AC Camargo
Dr. Eduardo Lima (Hospital AC Camargo - Fund. Antonio Prudente)

12h30min - Intervalo Almoço (Panorama)

14h30min - Mesa Redonda por áreas:
Químicos (Dra. Mara Lise Zanini)
Farmacêuticos (Dra. Cristina Jeckel)
Médicos e Físicos (Msc João Borges)
Interpretação da imagem molecular

16h00min - Coffee break

16h20min - Mesa Redonda
Dr. Carlos Anselmi (HSCPA)
Dr. Neivo da Silva Jr. (HSL)

17h30min - Palestra
PET/CT em cardiologia
Dr. José Soares Júnior
(HCFMUSP) São Paulo


28/08 (domingo)

9h00min - Palestra
Neuroimagem funcional e o entendimento das epilepsias: O papel do PET e do SPECT na abordagem de pacientes com epilepsia
Dr. Andre Palmini

10h00min - Palestra
Alzheimer e as demências
Dr. Pedro Rosa Neto

11h00 - Coffee break

11h15min - Mesa Redonda
Parkinson
Dr. Andre Dalbem
Dr. Rodrigo Bressan

12h15min - Encerramento

Participe da Consulta Pública sobre equipamentos médicos


Até 28 de agosto de 2011 estará no site da Anvisa a Consulta Pública número 34 que dispõe sobre assuntos relacionados aos equipamentos sob regime de vigilância sanitária usados, recondicionados, alugados e em comodato. A proposta de resolução estará disponível, na íntegra, durante o período de consulta, no endereço eletrônico www.anvisa.gov.br. As sugestões devem ser encaminhadas por escrito, em formulário próprio, para um dos seguintes endereços: Agência Nacional de Vigilância Sanitária, Gerência Geral de Tecnologia de Produtos para Saúde, Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), Trecho 5, Área Especial 57, Brasília (DF), CEP 71205-050; ou para o fax (61) 3462-6644; ou para o e-mail tecnologia.produtos@anvisa.gov.br. A documentação objeto dessa Consulta Pública e o formulário para envio de contribuições permanecerão à disposição dos interessados no site http://www.anvisa.gov.br/divulga/consulta/index.htm.
As contribuições serão públicas e permanecerão à disposição de todos no site da Anvisa. Aquelas não enviadas no formulário ou recebidas fora do prazo não serão consideradas para efeitos de consolidação do texto final do regulamento, que será disponibilizado no site da Anvisa, após a deliberação da Diretoria Colegiada.
A consulta trata de equipamentos com finalidade médica, odontológica, laboratorial, fisioterápica, utilizados diretamente ou indiretamente para diagnóstico, tratamento, reabilitação e monitoração em seres humanos; bem como de equipamentos com finalidade de embelezamento e estética.
Uma das propostas é proibir em todo o território nacional a importação, comercialização, troca, doação, recebimento em doação e cessão de equipamento sob regime de vigilância sanitária usado. Também trata da assistência técnica que, basicamente, deverá ser realizada pelo fabricante do equipamento. O texto completo está no endereço eletrônico http://portal.anvisa.gov.br/wps/wcm/connect/6bd86b00477801d9bc23be5c9a854df2/CP_34_2011_GGTPS.pdf?MOD=AJPERES.
A SBBMN é contra as propostas dessa consulta pública por que vão contra o interesse da especialidade e a favor da indústria de equipamentos. “A SBBMN acredita que essas propostas podem encarecer a manutenção dos equipamentos e limitar o crescimento da Medicina Nuclear brasileira”, explica o Dr. Celso Darío Ramos, presidente da SBBMN, que pede a todos os interessados que se manifestem e participem dessa consulta pública. 

[Boletim SBBMN 18 de julho de 2011]

quinta-feira, 14 de julho de 2011

O uso do PET/CT no planejamento radioterápico


Audiência pública sobre a inclusão de PET/CT no SUS



No dia 12 de julho de 2011, na Câmara dos Deputados, a Comissão de Seguridade Social e Família promoveu audiência pública, a pedido do deputado federal Eleuses Paiva, com representantes da saúde, como o Dr. Celso Darío Ramos, presidente da SBBMN, para debater a inclusão do PET/CT na tabela do SUS. A mesa diretora (foto) foi formada por Michel Carneiro, chefe da seção de Medicina Nuclear do Inca; João Nunes de Matos Neto, presidente da Sociedade de Oncologia Clínica do Distrito Federal; deputado Eleuses Paiva; Clarisse Petramale, diretora da Comissão de Incorporação de Tecnologias no SUS; e Dr. Celso Darío Ramos.
Palavra da SBBMN
O Dr. Celso Darío Ramos destacou que o câncer é um grande problema de saúde pública no Brasil e enfatizou que o PET/CT promove mudanças de conduta médica. “Estudo mostra que a incorporação do PET reduz custo no Brasil”, completa o médico nuclear. Também anunciou que a SBBMN está continuamente treinando médicos nucleares e profissionais de áreas correlatas para trabalhar com o PET/CT. Demonstrou ainda que o Brasil já possui um significativo parque instalado de cíclotron e PET/CT, suficiente para iniciar o atendimento aos pacientes do SUS das diversas regiões do País. “O debate foi muito favorável e os debatedores foram unânimes em reconhecer os benefícios da tecnologia PET/CT”, finaliza o presidente da SBBMN.
Palavra dos especialistas
Dr. Michel Carneiro contou que o Inca, em 2010 e 2011, realizou cerca de 1.200 exames PET/CT, especialmente em casos de linfoma, câncer de pulmão e tireoide, mas que aplica em diversas situações sempre considerando a indicação adequada e o custo benefício. Dr. João Nunes destacou a evolução da tecnologia e dos benefícios inegáveis do procedimento, que até evita que o paciente seja submetido a procedimentos cirúrgicos desnecessários, o que, entre outras coisas, significa economia para o sistema de saúde. Também sugeriu uma parceria pública privada no uso dos equipamentos já instalados. O Dr. Ricardo Brandão, representante da Sociedade Brasileira de Cancerologia e diretor da SBBMN, reforçou o benefício do exame frente a seu custo.
Palavra do governo
Apesar de reconhecer os benefícios do procedimento, a Dra. Clarisse Petramale mostrou as dificuldades que envolvem o PET/CT, como custo do aparelho, assistência técnica, distribuição de radiofármacos, capacitação profissional e outros, e afirmou que a Comissão de Incorporação de Tecnologia no SUS está estudando o procedimento. Também afirmou que ‘apesar do cobertor da saúde ser curto’, não se deixará de adotar o procedimento, cujos benefícios são comprovados.
Palavra dos deputados
O deputado Eleuses Paiva reconheceu os problemas na saúde brasileira, mas não acredita que isso seja impeditivo para ampliar o acesso da população ao PET, especialmente, porque está comprovada sua eficiência. ”Espero do Ministério da Saúde uma sensibilidade maior para oferecer à população esse procedimento”, finalizou. Cesar Colnago espera que o SUS evolua e se fortaleça. O Dr. Paulo César, relator da comissão de Seguridade Social e Família, observou que é importante equilibrar as questões sociais do País, reforçou o compromisso com a sociedade brasileira e, em suas considerações finais, mostrou-se animado com os resultados da audiência.
PET/CT em Brasília
Também participaram da audiência os deputados Rogério Carvalho e André Zacharow, entre outros. Na foto: Dr Ricardo Brandão, Dr. Celso Dario Ramos, Dr. Eleuses Paiva, e Dr. Adelanir Barroso, ex-presidente da SBBMN.
Webcamara
Para assistir à audiência completa, entre no site http://www2.camara.gov.br/atividade-legislativa/webcamara/videoArquivo?codSessao=00018976#videoTitulo.

[fonte: Boletim SBBMN de 13 de julho de 2011]

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Workshop em padronização da dosimetria das radiações para radiobiologia

 National Institute of Standards and Technology
This page will be a resource for the development of dosimetry standards for radiobiology.  The program will be launched through an upcoming workshop.  The upcoming NIAID/NCI/NIST-sponsored workshop on Radiation Dosimetry Standardization for Radiobiology is to be held September 15 – 16, 2011. The meeting has two goals and your participation is of key importance in achieving both. The first is immediate and is to highlight the importance and necessity of dosimetry standardization in radiation research, whether it involves in vitro or in vivo approaches, or large or small animal models. Most of the presentations will be aimed at reaching this goal. The other, and equally important, objective is long term. It will be addressed in an open forum discussion focused on the future of radiation dosimetry standardization, including a formal system for coordinating standardization efforts as well as the establishment of a continuing education series through national conference tutorials, publications, and web-based resources.

segunda-feira, 11 de julho de 2011

O prêmio intitulado "Roberts Prize" para o melhor trabalho publicado em 2010 na Physics in Medicine and Biology

The publishers of Physics in Medicine and Biology (PMB), IOP Publishing, in association with the journal owners, the Institute of Physics and Engineering in Medicine (IPEM), jointly award an annual prize for the best paper published in PMB during the previous year.

The procedure for deciding the winner has been made as thorough as possible, to try to ensure that an outstanding paper wins the prize. We started off with a shortlist of the 10 research papers published in 2010 which were rated the best based on the referees' quality assessments. Following the submission of a short 'case for winning' document by each of the shortlisted authors, an IPEM college of jurors of the status of FIPEM assessed and rated these 10 papers in order to choose a winner, which was then endorsed by the Editorial Board.

We have much pleasure in advising readers that the Roberts Prize for the best paper published in 2010 is awarded to M M Paulides et al from Erasmus MC, Rotterdam, The Netherlands, for their paper on hyperthermia treatment:

The clinical feasibility of deep hyperthermia treatment in the head and neck: new challenges for positioning and temperature measurement
M M Paulides, J F Bakker, M Linthorst, J van der Zee, Z Rijnen, E Neufeld, P M T Pattynama, P P Jansen, P C Levendag and G C van Rhoon
2010 Phys. Med. Biol. 55 2465

CBR 2011 - XL Congresso Brasileiro de Radiologia

Este ano o CBR será na encantadora “Veneza brasileira”, a cidade de Recife (PE). Mais precisamente no Centro de Convenções de Pernambuco. Confira as mensagens dos presidentes e dos primeiros convidados estrangeiros confirmados no site.
 
O deadline dos trabalhos é dia 11 de julho apressem-se.

Artigo de revisão sobre a correção de espalhamento em imagens SPECT.


A revista medicalphysicsweb publica em sua última edição uma revisão sobre a correção do espalhamento em imagens SPECT.  "In SPECT one of the factors that affect both image quality and quantitative accuracy is the inclusion of scattered photons, whose energies fall within the energy window selected for acquisition. These photons, which undergo Compton scatter in tissue prior to detection, result in loss of image contrast. There are several approaches to estimating scatter, including direct measurement in additional energy windows or modelling, which requires knowledge of both the distribution of activity and the map of attenuation coefficients (as determined usually from a CT scan). Inclusion of the scatter estimate in the emission model that is utilized during iterative reconstruction is the recommended approach for correction. Improvements in computer speed have greatly facilitated the practicality of computationally demanding approaches. In this paper approaches to scatter correction are reviewed with commentary on the application of these techniques in both preclinical imaging and clinical practice." O artigo completo pode ser baixado diretamente daqui.

Planejamento radioterápico - SBBMN


No dia 8 de agosto de 2011, às 20 horas, no Hotel Golden Tulip Paulista Plaza (Al. Santos, 85), São Paulo (SP), a SBBMN promove a palestra ‘Planejamento radioterápico’, ministrada pelo Dr. Marcelo Livorsi. As inscrições são gratuitas e as vagas limitadas. Informações e inscrições no site www.sbbmn.org.br.

Ângelo Padilha é nomeado Presidente da CNEN

 
No dia 20 de junho foi publicada no Diário Oficial da União a nomeação do novo presidente da Comissão Nacional de Energia Nuclear – CNEN, o Professor Doutor Angelo Fernando Padilha. Atuando em pesquisa, desenvolvimento e inovação de materiais para reatores nucleares há mais de 35 anos, Padilha é natural de Novo Horizonte, em São Paulo, tem 59 anos, é casado e pai de dois filhos.
Formado em engenharia de materiais na Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) em 1974, Angelo Padilha iniciou suas atividades profissionais no Instituto de Energia Atômica (IEA), atual Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN), unidade da CNEN em São Paulo, onde permaneceu por 13 anos. Em 1977 obteve o mestrado na Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (EPUSP) e em 1981 cursou seu doutorado com bolsa da CNEN na Faculdade de Engenharia Mecânica da Universidade de Karlsruhe, na Alemanha. Sua tese abordou os materiais para o elemento combustível do reator rápido regenerador alemão SNR-300.
Em 1988 foi contratado como docente pela EPUSP, onde obteve os títulos de Professor Livre-Docente e Professor Titular. Orientou cerca de 40 dissertações de mestrado e teses de doutorado defendidas na EPUSP, no IPEN, na Unicamp e na Alemanha. Padilha também foi pesquisador visitante no Centro Nuclear de Karlsruhe, no Instituto Max Planck de Stuttgart, na Universidade do Ruhr de Bochum e professor visitante na University of Wales Swansea, no Reino Unido.
Pesquisador do CNPQ há quase 20 anos, recebeu vários prêmios científicos nacionais e internacionais, coordenou vários projetos de pesquisa e desenvolvimento, foi consultor de várias empresas e assessor de diversas agências de fomento. Na área nuclear, fez parte da equipe que projetou o primeiro reator nuclear brasileiro de potência (para propulsão nuclear), foi consultor técnico da INB-Indústrias Nucleares do Brasil e do Centro Tecnológico da Marinha em São Paulo (CTM-SP).

terça-feira, 5 de julho de 2011

Congresso da Sociedade Brasileira de Radiologia Intervencionista e Cirurgia Endovascular 2011

No período de 10 a 13 de agosto de 2011 acontecerá o Congresso da Sociedade Brasileira de Radiologia Intervencionista e Cirurgia Endovascular (SoBRICE), na cidade de Búzios-RJ.
Com o intuito de promover a atualização e intercâmbio de conhecimentos na área, a Sociedade vem se aperfeiçoando, ao longo dos anos, para apresentar a todos os participantes e empresas envolvidas, um evento preparado com alto nível cientifico com a participação de renomados profissionais estrangeiros e nacionais, primando sempre pela qualidade das apresentações e inovações tecnológicas, aliado uma programação social cuidadosamente preparada para promover a integração entre todos os participantes.
Neste ano  trazemos uma idéia inovadora de Simuladores Eletrônicos em forma de Workshops com a participação interativa em casos clínicos editados e a possibilidade da simulação realística de procedimentos.
Dentro de um espírito arrojado e empreendedor, contaremos no “Meeting the Expert” , com uma possibilidade ímpar de discutir , debater e se interar junto aos maiores especialistas do mundo sobre temas  atuais.

ALASBIMN BRASIL 2011 - Data para submissão de trabalhos prorrogada para 17 de julho.

segunda-feira, 4 de julho de 2011

1° Curso de Atualização Técnica em Medicina Nuclear

Nos dias 6 e 7 de agosto de 2011, no Hotel Hampton Park (Alameda Campinas, 1213), em São Paulo (SP), a SBBMN promove o 1º Curso de Atualização Técnica em Medicina Nuclear, dirigido a biomédicos, tecnólogos, físicos, farmacêuticos, biólogos e outros profissionais da saúde. O curso visa informar pontos importantes relacionados à operação e atuação da equipe técnica de Medicina Nuclear. Durante as aulas teóricas serão revisados fundamentos de radiofarmácia, cuidados na marcação e controle de qualidade dos kits, proteção radiológica e ações de contenção, instrumentação e controle de qualidade do calibrador de dose, gama-câmara e PET/CT e indicadores para gestão da qualidade. Com carga 12 horas, o curso é coordenado por Solange Amorim Nogueira. O valor da inscrição é R$ 150 para sócios da SBBMN e R$ 300 para não sócios. Programação detalhada e inscrição no site www.sbbmn.org.br.(boletim SBBMN 4 de junho)

sexta-feira, 1 de julho de 2011

Audiência Pública debate inclusão do PET/CT no SUS

No dia 12 de julho de 2011, na Câmara dos Deputados, a Comissão de Seguridade Social e Família promove audiência pública, a pedido do deputado federal Eleuses Paiva, com representantes da saúde, como o Dr. Celso Darío Ramos, presidente da Sociedade Brasileira de Biologia e Medicina Nuclear (SBBMN), para debater a inclusão do exame PET/CT na tabela do Sistema Único de Saúde (SUS).O PET Scan, um dos exames referência da Medicina Nuclear, permite analisar o corpo inteiro em poucos minutos. Além disso, diferencia tumores benignos de malignos, determina a fase do câncer e monitora o resultado do tratamento. A partir deste exame, o médico é capaz de decidir com segurança e rapidez como será o tratamento, se a opção é ou não a cirurgia e acompanhar a evolução do paciente.
O PET Scan tem se tornado cada vez mais importante no diagnóstico e no acompanhamento de diferentes tipos de tumores. Nos tumores de pulmão, por exemplo, o exame pode modificar a conduta terapêutica inicialmente proposta em cerca de 70% dos casos, reduzindo o número de cirurgias desnecessárias em cerca de 60% dos pacientes.

Os resultados favoráveis com relação ao uso do exame PET Scan se repete em outros tumores malignos, como câncer de esôfago, de mama, de tireoide, melanoma, tumores de cabeça e pescoço, colorretal, linfoma e outros.