quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Impressões ESMRMB 2012 - Lisboa

Em outubro estive no congresso da ESMRMB (European Society for Magnetic Resonance in Medicine and Biology), na maravilhosa cidade de Lisboa, e gostaria de compartilhar minha visão sobre alguns assuntos interessantes que vi no congresso, que acaba sendo um pequeno "repeteco" do ISMRM :

  1. Grande interesse da comunidade científica com relação ao estudo de conectividade cerebral utilizando fMRI and DTI. O número de trabalhos relacionados a área foi muito grande, com um grande foco nas  áreas de pós processamento, e em difusão técnicas como DSI (Diffusion Spectrum Image) and HARDI foram as mais utilizadas. Em especial gostei muito de uma apresentação mostrando a variação dos resultados com a introdução de ruído das imagens. Algumas vezes podemos nos deixar enganar pelos resultados coloridos das fibras na matéria branca...
  2. Quantificação em ressonância sempre foi um hot topic, e neste congresso não foi diferente. Acompanhei as sessões de Cardio e Neuro, e que me chamou atenção foi que a maioria dos trabalhos estão focando na utilização de diferentes técnicas e não na criação de novas técnicas, mostrando que o assunto esta saindo da área puramente acadêmica e esta ganhando mais adeptos na área clínica. Em cardio,quantificação de T1 por técnicas baseadas na sequência MOLLI, e em Neuro, quantificação de perfusão por ASL, principalmente pCASL, continuam em alta.
  3. Motion correction foi um assunto muito comentado também, e me chamou atenção a grande quantidade de trabalhos utilizando aparatos externos fixados ao scanner para corrigir movimento. Muitos trabalhos mostrando correção real time dos gradientes com base em feedback recebido por câmeras fixadas na parte interna do scanner que continuamente lia a posicao de um dispositivo fixado na cabeça do voluntario. Estariam as ressonâncias com sedacao com os dias contados....???
Se tiverem alguma dúvida ou comentário sobre algum assunto descrito acima, não sejam tímidos e deixem suas considerações nos comentários. Abraços!

Nenhum comentário:

Postar um comentário